skip to Main Content
LEITOR? Oferta do PDF:      [ PDF COMPUTADOR ]      [ PDF G.INTERNET ] [ Links Publicados ]  ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​ [ Iniciar Sessão ] [ Criar nova conta! ]

Microsoft declara vontade de se tornar amiga dos antivírus rivais


Noticia:

Vários autores de programas antivírus têm confrontado a Microsoft pelo facto (provado e assumido) desta bloquear muitos programas antivírus, obrigando praticamente o utilizador do Windows a usar o Windows Defender.
Esta discordância levou a Kaspersky, uma das mais conceituadas autoras de soluções antivírus, a mover uma acção judicial contra a Microsoft, no Tribunal Europeu.

Agora, a Microsoft declara vontade de “dar um passo atrás” e deixar de obrigar ao uso do Windows Defender.
Mais, declara em comunicado que pretende “tornar-se parceira” de todos os fabricantes de soluções antivírus, que vai deixar de bloquear já a partir da próxima actualização do Windows 10:
blogs.windows.com/windowsexperience/2017/08/09/evolving-windows-approach-av-thanks-partner-feedback/

Esta manifestação de boa vontade foi suficiente para a Kaspersky, que já anunciou estar satisfeita e vai retirar a acção contra a Microsoft:
www.kaspersky.com/blog/microsoft-addresses-concerns/17942/

Esta é também uma boa noticia para todos os leitores e assinantes da revista COMPUTADOR, que nesta edição 209 (agora em banca) encontram a solução e descrição do primeiro Antivírus Gratuito da Kaspersky, uma oferta pelo vigésimo aniversario daquela empresa de segurança, e que todos devem aproveitar (trata-se de um dos antivírus melhor cotados por todos os analistas):
utilizador.pt/portfolio-item/computador-209/




Este Verão, ganhe mais créditos, para revistas e PDF!
 ​
[ ASSINAR ] ​ ​ ​[ RENOVAR ]

Edições em banca:
   
Se não encontrar, contacte-nos p.f.


This Post Has One Comment
  1. Há qualquer coisa que eu não entendo… Na verdade, a Microsof nunca me “obrigou” a usar o Windows Defender. Aliás, é um anti-vírus que nunca usei. Curiosamente, uso o Kaspersky e nunca notei qualquer incidente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back To Top